Home
SEAAC Blog
SEAAC Twitter
Olho no Olho
Base/Atendimento
Presidenta
Diretoria
Categorias
Circulares CCT
Acordos por Empresa
Jurídico
Homologações
Currículos
Parcerias
Lembrador
Info da Hora
Seaac Acontece
Associe-se Já!
Colônia de Férias EAA
Cadastro Empresa
Cadastro Associado
Salão de Beleza

 

SEAAC ACONTECE

 

 

 

 

Aprovada pauta de reivindicações de representantes comerciais

Helena explica detalhes da pauta que vai à negociação 

Em assembleia dia 20/fev/18, na sede do SEAAC de Americana e Região, foi aprovada a pauta de reivindicações para renovação da Convenção Coletiva da categoria de representantes comerciais. A presidenta do SEAAC, Helena Ribeiro da Silva, explicou que vai negociar para  que as cláusulas econômicas tenham vigência de 1º de maio (data base da categoria) de 2018 a 30 de abril de 2019. Já para as cláusulas sociais será proposta a renovação  de 1º de maio de 2018 até 30 de abril de 2020.

 

As principais reivindicações são reajuste salarial de 6% a título de correção salarial e sobre os salários reajustados 1% a título de aumento real e valorização da categoria; piso salarial de R$ 1.650,00; adicional de quebra de caixa de 10%; adicional de tempo de serviço, por triênio na mesma empresa,  de R$ 76,50 mensais; diárias para serviços prestados fora da base territorial de 10% do piso; vale refeição de R$ 40,00 em número mínimo de 22 unidades mensais e auxílio-creche de 20% do piso por mês e por filho até 4 anos de idade. 

 

(Luciano Domiciano – assessoria de imprensa 21/02/2018)

 


 

Representantes comerciais discutem pauta 2018

 

 Helena: Importante trabalhador participar!

O SEAAC de Americana e Região realiza na terça-feira, dia 20, em sua sede, em primeira convocação às 17h30 e segunda convocação às 18 horas, assembleia para apresentação da pauta de reivindicações da Convenção Coletiva 2018/2020 da categoria de Representantes Comerciais.  A presidenta do SEAAC, Helena Ribeiro da Silva, explica que as cláusulas econômicas terão vigência de 1º de maio de 2018 a 30 de abril de 2019. Já as cláusulas de caráter social valem para o período 1º de maio de 2018 a 30 de abril de 2020.

 

“A apresentação da pauta para os trabalhadores é um momento importante para discutirmos as propostas que serão encaminhadas para negociação. Por isso, é importante a participação dos trabalhadores no aperfeiçoamento e finalização das reivindicações”, observa a presidenta do SEAAC.

 

As principais cláusulas que compõem a pauta são as seguintes:

- Piso salarial de R$ 1.645,00

- Reajuste salarial de 5%

- Adicional de tempo  de serviço de R$ 76,50 mensais por triênio na empresa

- Adicional de quebra de caixa de 10% do salário base

- Para prestação de serviços fora da base territorial, diária de 10% do piso salarial, independente de transporte, hospedagem e alimentação

- Auxílio refeição de R$ 40,00 em número idêntico aos dias trabalhados

- Auxílio-creche de 20% do piso por mês e por filho até 4 anos

- Jornada do digitador com 10 minutos de descanso para cada 50 minutos de trabalho.
 

Luciano Domiciano (assessoria de imprensa, 16 de fevereiro de 2018)

 
 

Sindicato dos Empregados de Agentes Autônomos do Comércio de Americana e Região

Trabalhador Conscientizado, Sindicato Transformado!