Um dia para entrar para a história!

Greve

Dia 28 de abril os trabalhadores vão parar o Brasil, em uma greve geral que visa mostrar ao governo e congresso, que não estamos dispostos a engolir as famigeradas reformas trabalhista e previdenciária, além da terceirização ilimitada, que pretendem tirar direitos tão duramente conquistados ao longo de quase um século de luta.

Todo o país está se mobilizando para este evento, bancários, portuários, metalúrgicos, comerciários, eletricitários, ferroviários, metroviários, rodoviários, taxistas, trabalhadores EAA, vão mostrar sua força nas ruas, contra este golpe baixo desfechado pelo governo federal.

E, se você acha que não podemos mudar a lei, está enganado. Com pressão popular, com o grito das ruas, podemos fazer o Congresso recuar e substituir a lei da terceirização por outra que atenda os interesses dos trabalhadores.

Este é o momento para mostrar nossa cara, nossa força e união e exigir mudanças, pois, não podemos aceitar o confisco de direitos, garantias e conquistas. E nem que se rasgue a CLT.

A greve geral de sexta-feira, dia 28, é o momento privilegiado para demonstrarmos nossa insatisfação. Precisamos do apoio de todos os trabalhadores e das pessoas em geral, por isso convocamos todos a parar suas atividades dia 28 de abril. Do sucesso da greve dependem sua aposentadoria e garantias trabalhistas, o que não é pouco.

Por isso, não vá ao comércio comprar nada, não vá ao banco, não vá ao posto de gasolina, não vá à escola, não vá à academia, pare tudo, pare o país. Sabemos que não é fácil, mas na história de luta dos trabalhadores, nada veio fácil. Sem união, sem protestar, sem pressionar, nada conseguiremos.

Dia 1º de maio está aí, coladinho ao 28 de abril e esperamos que todos os trabalhadores possam comemorar o seu dia, com a consciência tranquila, com a certeza de que sua força unida a força de outros milhões de brasileiros, vai mudar essa história que não queremos viver.

UNIDOS VAMOS MUDAR O BRASIL!

A Diretoria

Topo

© Copyright 2017 - SEAAC Americana